PF com tutu e cabotiá na Cantina do Nonoca

14

12 março, 2013 por Tatiana Ribeiro

Tag Almoço, Boteco, , , , , , , , , ,

Hoje o papo é rápido porque é terça-feira e a semana tá osso. Mas péra! Na Cantina do Nonoca não é assim, não. Seja na segunda ou no domingo, na hora do cafezinho ou do almoço, colocar o pé aqui dentro é como chegar em casa.

cantina_nonoca_londrina

De manhãzinha, você chega pra pegar seu cafezinho e conferir o cardápio.

cantina_nonoca_londrina

Mais tarde é só escolher seu lugar que logo o Marcião vem anotar seu pedido.

cantina_nonoca_03

Frescura é pra quem não sabe aproveitar essa vida direito. Já o capricho é coisa de quem sabe o que faz. E pra mim não tem palavra melhor pra descrever o PF daqui.

cantina_nonoca_21

Preparado pelas mãos divinas da Dione, o cardápio é diferente a cada dia da semana. Mas meu favorito é o de terça-feira. Pois veja bem, com um tempero desses só arroz com feijão já estaria perfeito. Masss esse PF vem com tutu e cabotiá! Isso sem falar no zoiúdo – de clara dourada e gema durinha. É muita paixão pra uma terça-feira. Você pode escolher entre o PF executivo ou o mini, que é mais modesto, mas mesmo assim alimenta que é uma beleza.

cantina_nonoca_16

Já que logo logo voltaremos ao batente, a branquinha fica pra outra hora.

cantina_nonoca_08

Pra acompanhar, vemki Funada!

cantina_nonoca_14

A Cantina do Nonoca é alegria.

É saber que lá fora a Higienópolis corre a mil por hora, mas aqui dentro você vai comer seu almoço em paz e ao som da “rádio soft” lá no fundo… ehhehe.

cantina_nonoca_11

Zefini!?

cantina_nonoca_13

No caixa, o Chicão passa a soma.

O PF executivo custa R$9 e o mini R$8. A Funada custou R$1,50.

cantina_nonoca_06

Confira o cardápio da semana da Cantina do Nonoca:

Segunda-feira: bife acebolado, abobrinha, cenoura, farofa com torresmo;

Terça-feira: bistequinha de porco, tutu com linguiça, couve e cabotiá;

Quarta-feira: carne de panela, purê de batata, beterraba, repolho e farofinha;

Quinta-feira: sobrecoxa de frango assada, polenta, quiabo e jiló;

Sexta-feira: bife acebolado, espaguete e legumes.

Cantina do Nonoca
Aveninda Higienópolis, 1731
(43) 3323 17 39
Segunda a sexta, das 8h às 23h
Sábado (tem feijoada!) e domingo até as 18h

*as informações, promoções e preços descritos são válidos para a data das postagens e estão sujeitos a alterações*

Tatiana Ribeiro

"Bem por isso mesmo diz o caboclo: a alegria vem das tripas — barriga cheia, coração alegre. O que é pura verdade" - Cora Coralina.
Facebook | Instagram
  • Fernanda Silveira 12 março, 2013 at 1:39 pm

    Cantina do nonoca é surpreendente! ótima dica! :)

  • Déborah Campos 15 março, 2013 at 8:58 pm

    A melhor refeição de Londrina. Realmente especial. De coração.

  • João 17 março, 2013 at 5:33 pm

    O Tutu e a cabotiá é coisa linda demias! Mto bom BGL! Marcião e companhia fazem por merecer… Gostei!

    • baixagastronomialondrina 18 março, 2013 at 4:21 pm

      É tudo de bom, né João! Agora precisamos provar a feijoada que dizem que é demais também!
      Bjk!
      tati

  • flavio 25 março, 2013 at 9:52 am

    so pra constar. nonoca morreu semana passada.

    • baixagastronomialondrina 25 março, 2013 at 11:16 am

      Oi, Flávio! Na verdade o Nonoca era irmão do Chicão, que faleceu na sexta. Ficamos muito tristes com a notícia. O Francisco sempre nos recebeu com tanta gentileza naquele lugar que era difícil não se sentir em casa. O Paulo Briguet escreveu uma homenagem muito linda e que acho que resume o que todos nós sentimos com a perda desse amigo.

      O CORAÇÃO DO BAR DO CHICO
      Por Paulo Briguet

      O coração do Chico, dono de meu bar preferido, a Cantina do Nonoca, parou de bater na última sexta-feira. Antes do poente, Francisco Carlos Gonçalves do Carmo sentiu-se mal, pôs a mão no peito e partiu com apenas 56 anos. Morreu trabalhando ao lado da família.

      A cantina leva o apelido do irmão de Francisco, que foi seu sócio no estabelecimento há cerca de dez anos. O fato de ter mantido o nome do irmão, mesmo quando todos sabiam que ele era o proprietário, revela a humildade e o desapego de Chico.

      Morador da Rua Cacilda Becker, fui vizinho da Cantina do Nonoca por muitos anos; era fácil me encontrar por lá nos finais de semana. Naquelas mesas conversei com muitos amigos queridos – Ranulfo Pedreiro , Roberto Machado, Jean Ribeiro, Luiz Carlos Bruschi, Ana Maria Aromatário, Osmani Vianna, Carina Paccola, Marcelo Rocha, André Simões – li jornais e livros, tomei cerveja, comi feijoada e até rezei silenciosamente. Meu pai também gostava de ir lá; tomávamos sempre duas cervejas: a primeira e a saideira. “Exercício da moderação”, ensinava Paulo. Meu pai, por respeito, só chamava o Chico de “Francisco”.

      Nos últimos anos, diminuí a frequência de visitas à Cantina do Nonoca. Mas, sempre que pude aparecer por lá, fui recebido com honra de embaixador por Chico, esposa e filhos. Até presentes eles me davam – como se fossem necessários diante de tamanha gentileza!
      Vivemos no exílio. Nossa verdadeira pátria é o Céu. Mas, pela graça de Deus, alguns lugares nos oferecem um pequeno vislumbre do Reino definitivo. A Cantina do Nonoca, espécie de coração da Vila do Eterno Retorno, na esquina da Rua Henrique dos Santos com a Avenida Higienópolis, é um lugar que emite esses pontos luminosos, fazendo-nos acreditar na vida eterna. Poucos lugares são assim: o Santuário de Madre Leônia, a República da Humaitá, o Calçadão da UEL, o quadrilátero histórico de Londrina – onde, se atentarmos bem, ouviremos bater o coração da cidade…
      Vá em paz, Chico. E mande um abraço ao seu Paulo.

  • Mario Olivio 26 março, 2013 at 11:44 pm

    O melhor PF de Londrina. Cardápio bem distribuído durante a semana, bem servido e rico em tempero. O prato vem pronto para produção fotográfica.

  • mangojambo 3 abril, 2013 at 8:53 am

    Oi, show de bola esse blog, hein! Só gostaria de deixar uma dica: O endereço poderia ser um link direto para o uma página do google maps, tipo isso: http://goo.gl/maps/4ZcYK . Agora esse blog será minha parada obrigatória na net! Não conheço muitos lugares em Londrina e isso veio bem a calhar. Parabéns novamente!

    • baixagastronomialondrina 3 abril, 2013 at 9:17 am

      Olha que dica boa! Muito legal a ideia. Vamos tentar aplicar :D

      Tati

  • ricardo vertuam 17 maio, 2013 at 7:47 pm

    Bar nonoca e show a fejuva é Ótima. Mas Paulo briguet ninguém merece com todo respeito ao chicao

  • Lugares para comer e beber como um londrinense – Baixa Gastronomia Londrina 10 dezembro, 2014 at 1:21 am

    […] Cantina do Nonoca […]

  • Segue a gente aê!

    Receba dicas de lugares para comer em Londrina!