Dias dos Pais

lembranças inesquecíveis

15

6 agosto, 2013 por Duda e Tati

Tag Cerveja, Doces, Especiais, , , , , , , ,

Quando o assunto é presente, os comestíveis têm uma tendência a me agradar mais. Sabor você não esquece na gaveta, não perde, não quebra! Certo? A lembrança de um gosto especial fica pra sempre na memória.

Que tal nesse próximo domingo dar de presente pro seu pai uma lembrança inesquecível? Separamos alguns agradinhos gastronômicos que vão fazer o Dia dos Pais valer a pena.

Torta S’More Pie – Raissa Maciel

raissa1

A releitura da Torta S’More Pie da Raissa já ganhou até prêmio e não seria exagero chamá-la de Melhor Torta de Chocolate de Londrina. A massa é maravilhosa, o ganache de chocolate (cacau 70%) e flor de sal também e essa cobertura… É tão boa que não tem descrição! Seu pai merece. Cada torta serve 10 pedaços e custa R$60.

Encomendas com Raissa Maciel: (43) 9622-1052 ou pelo face.

Cupcakes Peggy Sue

cupcake2

Os Cupcakes da Peggy Sue já são famosos aqui na cidade, e quem não gosta de Cupcakes, certo?! Além de lindos, são saborosos! Para o Dia dos Pais, a Suelen dá a dica de alguns sabores: café, figo com nozes e chocolate, ameixa com coco e o intenso (com chocolate 70%). A caixa com 4 cupcakes sai R$28.

Encomendas: (43)3344-3597/ (43)9116-3728.

O Brigadeiro

BRIGAEIROCERTO

O Brigadeiro lançou para o Dia dos Pais a “Caixa de Ferramentas”, que na realidade é uma caixa com 30 brigadeiros nos sabores: Noir, Whisky (imagina, isso?) e Pistache. Cada uma sai por R$50.

Encomendas: (43) 9111-2322 / (43) 9922 6056

Vinhos e Cia

vinho

Seu pai gosta de vinhos?! A Vinhos e Cia indica o chileno Santa Rita 120, Cabernet Sauvignon. Vai bem com carnes vermelhas, de caça, porco, queijos curados e embutidos (hummmmm da até pra preparar um jantar pra harmonizar com o presente, hein?). Por R$37.

Rua Goiás, 1759 – (43) 3337-5794

Santo Prazer

cervejacerta

Se o seu pai é igual o meu vai amar MUITO esse presente. A cerveja do Santo Prazer é produzida artesanalmente. Pilsen, puro malte e com 4.6% de teor alcoólico. Combina com queijos leves, saladas, peixes e carnes brancas. Quero agora. A garrafa tem 600 ml e sai por R$11.50. Lá da pra montar kits com outras cervejas também!

Rua João XXIII, 408 – (43) 3338-0023

 

Por Maria Eduarda Oliveira e Tatiana Ribeiro

Duda e Tati

Facebook | Instagram
  • Lucas Alves. 6 agosto, 2013 at 5:43 pm

    Vou levar o coroa lá no Santo Prazer pra tomar uma! Já fui lá algumas vezes e a cerveja é muito boa mesmo, e tem várias porções fenomenais.

  • Camila 6 agosto, 2013 at 7:27 pm

    Esses cupcakes são deliciosos! Super bem recheados e nada enjoativos! Dos minis então, se começar comer, dificilmente consegue parar!
    Ótimas dicas!

  • Paula Silva 6 agosto, 2013 at 7:36 pm

    já ouvi falar dessa torta , mas não sabia que ela fazia encomenda!! sempre fui louca pra provar,só de olhar já fogem as palavras hahaha acho que já está na hora!!!

  • Camila 6 agosto, 2013 at 10:19 pm

    “O Brigadeiro” é especial! Dei pro meu pai no ano passado. Feito com ingredientes da maior qualidade. Coisa phynna mesmo!

  • Marcia 6 agosto, 2013 at 10:29 pm

    Esses brigadeiros são um show! O de whisky é maravilhoso! Já encomendei pro meu pai!!!

  • Bruno 6 agosto, 2013 at 10:57 pm

    K d o gastar pouco???

    • [email protected] 9 agosto, 2013 at 2:28 pm

      Olá, Bruno! A gente acredita que gastar pouco nem sempre é sinônimo de coisa boooua. A Baixa Gastronomia que queremos divulgar não é aquela necessariamente barata, mas sim aquela honesta.

      E qual a diferença?

      A comida honesta, para a gente, é aquela que tem qualidade e preço equilibrados.

      Não adianta nada pagar poucos reais em algo ruim, não é? O valor da comida que compramos pronta não é formado só pelos ingredientes (que em alguns casos já são bem caros), é formada também pelos gastos com equipamentos, energia elétrica, aluguel, salários de funcionários em alguns casos e, claro, a mão de obra e o talento do cozinheiro.

      Tudo isso são coisas que levamos em conta e valorizamos na hora de mostrar algum local ou produto para vocês :)

      Valeu pelo coments ;)

  • Adriana de Araujo 7 agosto, 2013 at 12:24 pm

    Conheço a Suelen e ouço muita coisa boa sobre seus cupcakes… uma mistura de bom gosto e sabores inesquecíveis.

  • Luiz Fernando 9 agosto, 2013 at 8:44 am

    Onde fica a “Baixa” gastronomia na parte dos cupcakes, das tortas e dos vinhos?

    • [email protected] 9 agosto, 2013 at 2:19 pm

      OOi, Luiz!

      Como respondi no comentário do Igor, o que acontece é que a Baixa Gastronomia que queremos divulgar não é aquela necessariamente barata, mas sim aquela honesta.

      E qual a diferença?

      A comida honesta, para a gente, é aquela que tem qualidade e preço equilibrados.

      Não adianta nada pagar poucos reais em algo ruim, não é? O valor da comida que compramos pronta não é formado só pelos ingredientes (que em alguns casos já são bem caros), é formada também pelos gastos com equipamentos, energia elétrica, aluguel, salários de funcionários em alguns casos e, claro, a mão de obra e o talento do cozinheiro.

      Tudo isso são coisas que levamos em conta e valorizamos na hora de mostrar algum local ou produto para vocês :)

      Valeu pelo seu comentário, Luiz, o feedback de vocês é muito importante para nós! Através dele podemos deixar nossa proposta ainda mais clara, melhorar nosso trabalho aqui e assim fazer algo mais legal pra vcs!

      • Luiz Fernando 12 agosto, 2013 at 12:20 pm

        Olá! Agradeço a resposta e a explicação, mas é que eu sou muito fã daquela “baixa” gastronomia que compreende lugares mais modestos, mas que apresentam uma comida de primeira, com aquele toque de pessoalidade e carinho no preparo.
        Gostaria de salientar que, na grande maioria das vezes, esses lugares que oferecerem a “verdadeira” baixa gastronomia são desconhecidos até mesmo pelos londrinenses “natos”, como eu, que acabei conhecendo ótimos lugares por meio do blog.
        Acredito que ao explorar esse nicho mais desconhecido da gastronomia londrinense, o blog atenderá seu propósito e, principalmente, alcançará maior repercussão.
        A prova disso, é que em todos os lugares “baixa” gastronomia em que visitei após a indicação do blog, os proprietários relataram um efetivo aumento da clientela após a publicação no BG.

        • [email protected] 13 agosto, 2013 at 8:48 am

          É muito legal quando voltamos em algum lugar que fizemos um post e os proprietários relatam um aumento no movimento, Luiz! Isso deixa a gente muito feliz :)
          Nosso propósito é mostrar sim esses lugares modestos, com comida de primeira. O que tentamos explicar é que existem casos que algumas coisas saem mais caras mesmo. E nem por isso queremos deixar de mostrar pra vocês. O bolo da Raíssa e os Cupcakes, por exemplo, não foram escolhidos aleatoriamente. São produtos que a gente já provou e sabe que foram preparados com ingredientes caríssimos. Vale muito a pena. O lucro para quem faz é muitas vezes bem baixinho… E por isso que existe a sessão “Quanto”. Ali nossos leitores escolhem quanto querem desembolsar heheh.

          Mas valeu pelo seu comentário e feedback :) Nós vamos tentar aumentar o volume dos posts mais baratos eee deliciosos, beleza? ^^

          Abraço!

  • Igor Falvino 9 agosto, 2013 at 8:46 am

    só uma opinião: acho que a proposta do site está se perdendo. vinte e oito reais em quatro cupcakes?

    • [email protected] 9 agosto, 2013 at 2:16 pm

      Olá, Igor! Valeu pelo seu comentário, é muito bom receber feedbacks :)
      O que acontece é que a Baixa Gastronomia que queremos divulgar não é aquela necessariamente barata, mas sim aquela honesta.

      E qual a diferença?

      A comida honesta, para a gente, é aquela que tem qualidade e preço equilibrados.

      Não adianta nada pagar poucos reais em algo ruim, não é? O valor da comida que compramos pronta não é formado só pelos ingredientes (que em alguns casos já são bem caros), é formada também pelos gastos com equipamentos, energia elétrica, aluguel, salários de funcionários em alguns casos e, claro, a mão de obra e o talento do cozinheiro.

      Tudo isso são coisas que levamos em conta e valorizamos na hora de mostrar algum local ou produto para vocês :)

  • limewire download 29 setembro, 2013 at 6:00 am

    the dark side of coxinha

  • Segue a gente aê!

    Receba dicas de lugares para comer em Londrina!